Em resposta à declaração da SM Entertainment na pré-conferência de hoje, JaeJoong, YooChun e JunSu revelam que já se desvincularam da CREBEAU, de modo à negar qualquer relação que seus negócios pessoais possam ter com os reais motivos do processo contra a SM.

Através de uma entrevista por telefone à um jornal da Coréia, os três declaram que: “Assistimos a pré-conferência juntos pela TV. Ficamos curiosos porque disseram que tinham muita coisa à revelar, mas não sabíamos que falariam dessa coisa da empresa de cosméticos de novo.” Os três fizeram questão de reafirmar que a empresa de cosméticos não tem relação alguma com o processo e que as atividades do DBSK são mais importantes que qualquer coisa. Além disso, revelaram que já saíram da empresa. Portanto, as acusaçõesa da SM são infundadas.
“Não negamos que no início consideramos nossos negócios ao fazer essa decisão do processo. No entanto, pra parar de vez com essas acusações da SM, nos retiramos da empresa. Não importa se estamos nos negócios de cosméticos ou não, não há nada mais importante que manter as atividades do DBSK”.

Mais uma vez, os três enfatizaram as cláusulas injustas do contrato e dizem que esse foi o real motivo para a instauração do processo. “Assim como jugou a corte, a SM abusa de sua autoridade e segue meios ilegais. Não recemos nosso salário que hoje deveria somar bilhões de WON”.

Os três também se preocupam com os fãs: “Não queremos jogar sujo nessa disputa. Não trará benefícios nem ao DBSK, nem aos fãs e nem à SM. A luta constante nunca terá fim. Quem vai se machucar mais serão os fãs”.

 

Créditos: DBSKBR